COLOQUE O MOUSE EM CIMA PARA DAR ZOOM
Sistema Retificador - SR 100A - 1200A/-48Vcc
Montagem em Gabinete fechado

 

Os sistemas de retificadores -  SR  foram produzidos fundamentados em modernos conceitos de engenharia e desenvolvimento. 

As configurações e elementos utilizados oferecem flexibilidade de uso em diversas aplicações sendo a principal, a área de telecomunicações.

Podem ser apreciadas como vantagens as seguintes características:

  • Unidade de supervisão e retificadores microprocessados;
  • Quadro de distribuição de corrente alternada e contínua incorporados;
  • Sistemas modulares de 100 a 1200 ampéres;
  • Facilmente configurável para operação em carga automática/manual ou compensação da tensão de flutuação em função da temperatura;
  • Fator de potência praticamente unitário;
  • Alta densidade de potência e rendimento;
  • Diagnose de comandos, ajustes e defeitos no local e remotamente;
  • Comunicação remota via portas seriais;
  • Protocolo de comunicação TCP/IP e SNMP opcionais (verificar disponibilidade com o fabricante);
  • Software de gerenciamento remoto em ambiente Windows (opcional);
  • MTBF superior a 120.000 horas.

 

 

A tabela  a seguir apresenta as capacidades e dimensões (padrão) dos SR’s.

 

Tensão de saída (VCC)

Capacidade

do SR

Dimensão Padrão (mm) *

Largura

Altura

Profundidade

-48

SR 100A

700

2000

700

SR 200A

700

2000

700

SR 400A

700

2000

700

SR 600A

700

2000

700

SR 800A

700

2000

700

SR 1200A

700

2000

700

 

 

 

DESCRIÇÃO GERAL DE FUNCIONAMENTO

            O sistema de retificadores ou fonte de corrente contínua tem por função garantir a alimentação ininterrupta dos equipamentos de telecomunicação durante a ocorrência de falhas de alimentação na rede CA comercial.

Esta alimentação ininterrupta é garantida do seguinte modo, estando a alimentação CA normal, as unidades retificadoras existentes na fonte mantêm as baterias em estado de flutuação (ou carregadas) e alimentam os consumidores, na falta de CA os consumidores passam a ser alimentados diretamente pelo banco de baterias e, após a normalização da alimentação CA as unidades retificadoras passam a recarregar o banco de baterias e alimentar os consumidores simultaneamente.

O sistema retificador somente deixará de alimentar a carga se houver uma falta de CA prolongada e a tensão do banco de baterias atingir o valor mínimo aceitável para que não seja danificado.

 

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS GERAIS

O SR INDEL atende aos requisitos de alimentação de baterias do tipo regulada à válvula (selada) e do tipo ventilada:

  •  Para baterias seladas, a USR contém um dispositivo de acoplamento ao ambiente de baterias, para captação da temperatura destas, fazendo via software uma compensação da tensão nas baterias pela variação de temperatura.
  • Para baterias ventiladas, a USR comuta a tensão entre carga e flutuação através de comando manual, telecomando ou de forma automática.

 

Em sua composição principal podemos relacionar a USR, as UR’s, a DCC e DCA.

As condições de acesso a todas as partes sujeitas à manutenção podem ser acessadas pela parte frontal do equipamento.

A entrada e saída dos cabos CC e CA do sistema normalmente sai configurada de fábrica para serem efetuadas pela parte superior, porém, nos casos em que se requeiram entrada e saída destes cabos pela parte inferior, deverão ser informados pelos clientes nos seus pedidos de compra para que sejam providenciadas as adequações.

O gabinete bem como demais partes metálicas do sistema são fabricadas em chapa de aço com espessura mínima de #1,5mm.

A pintura do gabinete e demais partes integrantes é eletrostática e feita na cor cinza padrão MUNSELL No 6,5 microtexturizada.

Os barramentos de energia usados no sistema são de cobre eletrolítico cujo valor máximo adotado para a densidade de corrente é menor ou igual a 3A/mm2.

 

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS ESPECÍFICAS

CARACTERÍSTICAS/CAPAC. DOS SR’s

100A

200A

400A

600A

800A

1200A

Potência nominal de saída (KW)

5,76

11,52

20,16

28,80

40,32

57,60

Potência máx. de saída admissível SR (KW)

5,76

11,52

23,04

34,56

46,08

69,12

Quantidades de UR’s 50A/-48V por SR

2

4

8

12

16

24

Tensão nominal (VCC)

48

Dissipação térmica nominal (aproximadamente)

(KW)

(Kcal/hora)

(KBTU/hora)

0,60

1,20

2,10

2,88

4,20

5,76

0,52

1,04

1,82

2,50

3,64

5,00

2,05

4,10

7,18

9,84

14,36

19,68

Corrente máxima de entrada de linha

sistema 1Æ 220VCA e potência saída nom.  (A)

35

70

140

210

-

-

Corrente máxima de linha estimada para sistema 3Æ 220VCA e potência saída nom. - D (A)

20

42

71

101

142

203

Corrente máxima de linha estimada para sistema 3Æ 380VCA e potência saída nom. - U (A)

12

24

41

57

82

114

Tensão CA de entrada do SR (VCA)

220±15% (mono)***

220 ou 380±15% (trifásico)***

Freqüência (Hz)

50/60

Faixa de freqüência (Hz)

45 a 66

Fator de Potência

Melhor que 0,99 (plena carga)

Tensão nominal flutuação bateria selada (VCC)

54

Tensão nominal flutuação bateria Ventilada (VCC)

52,8

Tensão nominal carga bateria Ventilada (VCC)

57,6

Rendimento do Sistema

Melhor que 90% (plena carga)

Umidade Relativa

5~95% sem condensação

Interferência eletromagnética (EMC/EMI)

Satisfaz a CISPR22A

Imunidade à descarga eletrostática

Satisfaz a IEC61000-4-2

Imunidade à surtos de tensão

Satisfaz a IEC61000-4-5

Temperatura Ambiente Máxima

-10 a +50ºC

 

 

 

 

 

 

© 2012 omegats.com.br